Dançando com as montanhas

A visita de uma espanhola, amiga de meu irmão, me rendeu uma grande descoberta. Ela me falou de uma rota de cicloturismo, muito dura (difícil), chamada Transpirinaica. Me disse que é um caminho que acompanha os Pirineus, em toda a fronteira com a França. São mais de duas semanas subindo e descendo montanhas em uma região muito pouco habitada. Procurando na internet, descobri um relato do passeio feito por ciclistas de Lisboa.

O passeio é um absurdo. Quase todos os dias fecham com subida acumulada entre 1.000 e 2.000 metros. Mas com visuais de compensar todo o sacrifício.

http://tiagussbtt.blogspot.com/2009/07/transpirinaica.html

Só a leitura do longo relato já é uma delícia. Tem que ler aos poucos, com tempo. Quem sabe me preparo para dançar?

2 opiniões sobre “Dançando com as montanhas

  • dezembro 20, 2010 em 10:15
    Permalink

    Ola
    Fico contente que tenha gostado do relato desta nossa aventura 🙂 Eu muitas vezes a re-leio para “viver” novamente os locais por onde passei.

    Abraço
    Tiago Lages

    PS:Não somos de Lisboa, somos 3 amigos de uma cidade do interior de Portugal, chamada Guarda.

Os comentários estão desativados.