Chapada dos Veadeiros

Untitled_Panorama1

Estava para sair de férias em abril de 2003. O clima de Floripa nesta época do ano já não é tanto de praia e “todo mundo” seguia sua rotina de trabalho. Lendo uma reportagem da finada revista Caminhos da Terra, enfiei na cabeça: iria conhecer a Chapada dos Veadeiros naquelas férias. A grana era curtíssima e não havia companhia de última hora. Mas quer saber? “Vamos” mesmo assim. E de moto. Criei um roteiro com escalas em Campinas, Goiânia e Brasília, onde teria abrigo na casa de amigos e parentes, em um total de 4.600 km de ida e volta. Quatro dias de muita estrada, uma delícia. Chegando lá, um camping simples mas acolhedor no não tão famoso povoado de São Jorge, quando ainda se chegava lá por estrada de terra. Uma semana de muito sol em temperaturas agradáveis, comendo comida caipira e fazendo trilhas pelo parque e passeios de moto no entorno.  Na volta, um pouco antecipada pela saudade de gente conhecida, churrasco com amigos em Brasília e visita à minha avó, já centenária, em Lorena (SP). Abaixo, um pouco do que foi o passeio, economicamente registrado em minha última máquina de filmes.